FRS inicia as suas excursões no rio em Lisboa

Depois da flexibilização das restrições de viagem não essenciais pelas autoridades portuguesas, o operador global de ferries e barcos FRS, com sede em Flensburg, Alemanha, vai dar início aos seus passeios panorâmicos no rio Tejo, operados pela sua subsidiária “FRS Portugal” a partir de 29 de maio.

O serviço terá início com duas viagens diárias de ida e volta, com um segundo tour tendo como pano de fundo um pôr-do-sol especial. Com base na procura turística, a FRS Portugal adicionará potencialmente dois outros tours de ida e volta em data a anunciar. As reservas para os tours estão a ser aceites online a partir de 26 de maio em frs-portugal.pt ou diretamente no terminal situado na Estação Fluvial Sul e Sueste.

“Estamos satisfeitos com a redução reforçada da pandemia em Portugal, que está a permitir um forte e robusto reinício do turismo na região”, disse Moritz Bruns, Diretor Comercial e Desenvolvimento Empresarial do Grupo FRS e Diretor Executivo da FRS Portugal Unipessoal, Lda. “Toda a indústria do turismo sofreu muitíssimo no ano que passou. É animador ver Lisboa a rejuvenescer novamente e temos a honra de oferecer o nosso serviço de passeios no rio não só a locais como a turistas, ao integrarmo-nos no tecido desta cidade tão cheia de vida”, disse Bruns.

O barco a motor com 37 m da FRS Portugal vai ser a embarcação a percorrer o Tejo nestas excursões. A opção descapotável da embarcação é uma combinação perfeita para um agradável passeio panorâmico no rio Tejo. Sob o céu aberto, os passageiros podem desfrutar plenamente do carisma da animada metrópole, com lanches diversos e bebidas variadas incluídos no bilhete. “Selecionamos propositadamente este barco entre a nossa frota de mais de 70 embarcações espalhadas pelo mundo para proporcionar aos nossos convidados uma perspetiva única e mágica da beleza da cidade da Lisboa” disse Bruns.

As operações diárias em Lisboa decorrerão sob a responsabilidade de Svenja Wulff, ex-Diretor de Projetos de Desenvolvimento Comercial da sede da FRS, que realizou com sucesso vários projetos em todo o mundo e que foi agora deslocado para Lisboa, a fim de assumir o leme do desenvolvimento local da FRS Portugal. Wulff terá nestes tours o apoio de uma equipa local e internacional altamente talentosa e qualificada.     

Para mais informações sobre a FRS Portugal e os tours no rio Tejo, consultar www.frs-portugal.pt.

Acerca da FRS  

Desde navios de excursões movidos a energia solar até ferries de carga, a frota da FRS é globalmente diversa. Atualmente, a frota engloba 73 navios que transportam 7,9 milhões de passageiros e 2,1 milhões de automóveis em todo o mundo todos os anos. Em torno de Rügen, uma das zonas turísticas mais importantes da Alemanha, a FRS é líder de mercado em excursões e serviços de linha. Através das suas subsidiárias Weiße Flotte e Reederei Hiddensee, a FRS tem vindo a estabelecer-se fortemente na região há mais de 50 anos. No Estreito de Gibraltar, a FRS é um dos principais operadores com 8 embarcações, desde catamarãs de passageiros a ferries RoPax com cabines. Para além dos serviços turísticos, a FRS opera há mais de 20 anos com sucesso um serviço regular de tráfego e carga entre Espanha e Marrocos. Leia mais acerca da FRS em www.frs.world.